SSPC/PB REALIZA A ÚLTIMA REUNIÃO DO ANO DE 2009

JOÃO PESSOA/PB – TERÇA FEIRA, 22 DE DEZEMBRO DE 2009

1 – Os policiais civis do Estado da Paraíba, na manhã de hoje estiveram reunidos na sede do Sindicato dos Servidores da Polícia Civil do Estado da Paraíba – SSPC/PB, para avaliarem as lutas desenvolvidas no exercício de 2009, naquela oportunidade aprovaram o cronograma de trabalho para o ano de 2010, a plenária deliberou no sentido de que a partir do mês de janeiro após o recesso do Legislativo Estadual será desenvolvida em todo Estado a campanha salarial dos policiais civis objetivando o resgate da dignidade da classe e da instituição.

Os PCs, da Paraíba Percebem os piores salários do Brasil, não recebem horas extras e nem adicional noturno, as mudanças de letras estão travadas sem que sejam liberadas as ascensões funcionais da classe, concessão de nível superior para os papiloscopistas e demais servidores do IPC, revisão da Lei 85 /2008 (Lei Orgânica da Polícia Civil do Estado da Paraíba) revisão no plano de cargos carreira e remuneração transformando valores básicos e gratificação em subsídios como determina a Constituição Federal, este direito já vem acontecendo nas polícias civis dos demais Estados da Federação, o último Estado a conceder vencimentos através de subsídios foi o Estado do Espírito Santo, que no dia 21/12/2209, ontém segunda feira, a Assembléia Legislativa do Espírito Santo aprovou projeto de Lei que garante subsídios para os PCs, daquele Estado.

Em 2010 o Governo da Paraíba precisa passar a reconstruir a segurança pública, começando pela valorização do bom policial, construção de delegacias padronizadas na capital e no interior, pois o sucateamento é grande além da falta de estimulo para os trabalhadores da Segurança Pública paraibana, concluiu Antonio Erivaldo Henrique de Sousa, presidente do SSPC-PB, desejando para toda família polícia civil, um Feliz Natal e Prospero ano Novo, na esperança de conquistarmos o que não foi conquistado em 2009. “UNIDOS SEREMOS FORTES!”

POLICIAIS CIVIS DECIDEM EM ASSEMBLÉIA PELO FIM DA PARALISAÇÃO

2 – Em assembleia geral, realizada na tarda última sexta-feira (18), no Parque da Cidade em Brasília, os policiais civis do DF, decidiram pelo fim da paralisação e retorno às atividades policiais. A categoria deliberou para que fossem votadas as propostas de suspensão ou permanência da paralisação, optando quase que por unanimidade, pelo fim da paralisação.
O presidente Wellington Luiz agradeceu a categoria e afirmou que essa decisão ajustada da categoria se deve, principalmente, em respeito à população. “Porém, a indignação permanece no seio da categoria em razão de o governo não ter tratado as questões da Polícia Civil do DF, como deveria, ressaltou Wellington, presidente do SONPOL – DF.