Você está aqui
Home > 2006 ARQUIVO HISTÓRICO > SSPC/PB PARTICIPA DE ENCONTRO NACIONAL DE LIDERANÇAS POLICIAIS

SSPC/PB PARTICIPA DE ENCONTRO NACIONAL DE LIDERANÇAS POLICIAIS

PUBLICIDADE
JORNAL O NORTE

INFORMATIVO SINDICATOS EM AÇÃO

JOÃO PESSOA/PB – TERÇA-FEIRA, 25 DE ABRIL DE 2006 – A8

SSPC/PB PARTICIPA DE ENCONTRO NACIONAL DE LIDERANÇAS POLICIAIS

Nos dias 10 e 11, Antonio Erivaldo Henrique de Sousa presidente do Sindicato dos Servidores da Polícia Civil do Estado da Paraíba – SSPCPB, participou do ENCONTRO NACIONAL DAS LIDERANÇAS POLICIAIS na cidade de Fortaleza, que teve como eixo principal à apresentação, discussão e deliberação da “CAMPANHA NACIONAL DE ISONOMIA SALARIAL DO POLICIAL CIVIL”, o projeto foi apresentado pelo Dr. JÂNIO BOSCO GANDRA presidente da COBRAPOL – Confederação Brasileira de Trabalhadores Policial Civil, que tem sede em Brasília/DF, Afirma Erivaldo, que o projeto é de uma valorosa importância para os policiais civis dos Estados que sofrem discriminações salariais, do agente ao delegado, pois a Constituição Federal/88, garante igualdade para todos, e portanto não se concebe o policial civil do Distrito Federal, receber salários equivalentes a três vezes o salário de um policial civil do Nordeste, sobre alegação de quem paga parte da folha é a União, só que os Estado recebem repasses de fabulosas verbas federais o conhecido FPE, além de outros mecanismos, ou seja, parte do PIB nacional, Fundo Nacional de Segurança Pública etc, para acabar com tais discriminações contra as policiais civis só falta diálogo do Governo Federal e decisão política, os policiais civis do DF, são tão importantes quanto os demais, o trabalho exercido pelo policial civil da Paraíba é o mesmo do policial do Distrito Federal. Portanto somos brasileiros, todos iguais, o policial do DF, corre o mesmo risco que corre o policial de Norte ao Sul, Leste ao Oeste.
A COBRAPOL, que é a entidade máxima representativa de terceiro grau, irá definir a data para o início da campanha em todo território nacional, o conteúdo programático da campanha será composta de uma padronização de todo material de impressos, cartazes, camisas, adesivos, bonés, panfletos, tv, rádio, jornais, portais onlines etc.
Para o presidente da SSPC/PB, que representou a Paraíba neste evento, afirma que o êxito deste movimento que tem caráter nacional, com reflexo na melhoria de vida para os policiais civis de cada Estado vai depender muito da participação de cada policial, a luta deve ser engajada por todos policiais dos Estados, segurança pública é dever do Estado e direito do cidadão, chegou a hora da União dar sua parcela de contribuição, para que através de Lei Federal, seja criado um piso salarial mínimo nacional para o policial civil, o Estado que não puder pagar à União deve fazer o mesmo que faz com Brasília/DF e dar a sua contra partida, afinal “Brasil, somos todos iguais”, COBRAPOL, FENEPOL, FEPCEP e SSPC/PB.

Top