Você está aqui
Home > 2008 ARQUIVO HISTÓRICO > SSPC/PB E DEPUTADOS SÃO RECEBIDOS EM AUDIÊNCIA POR GUSTAVO NOGUEIRA

SSPC/PB E DEPUTADOS SÃO RECEBIDOS EM AUDIÊNCIA POR GUSTAVO NOGUEIRA

INFORMATIVO SSPC/PB

JOÃO PESSOA/PB – QUARTA-FEIRA, 12 DE MARÇO DE 2008

SSPC/PB E DEPUTADOS SÃO RECEBIDOS EM AUDIÊNCIA POR GUSTAVO NOGUEIRA

Ontem dia 11, a diretoria do Sindicato dos Servidores da Polícia Civil do Estado da Paraíba – SSPC/PB, juntamente com os representantes das entidades associativas e sindicais da polícia civil paraibana, ASPOCEP, APC-PB, SINDEPOL e ADEPOL/PB, participaram de uma audiência com o secretário da administração do Estado Gustavo Nogueira. Estiveram presentes os Deputados Ricardo Barbosa, líder do governo, João Henrique de Sousa do DEM e João Gonçalves do PSDB.
Naquela oportunidade o presidente do SSPC/PB, Antonio Erivaldo Henrique de Sousa, ao fazer uso da palavra, defendeu o imediato encaminhamento do projeto da Lei Orgânica da Polícia Civil – LOP/PB, com os anexos das tabelas do plano de cargos carreiras e remuneração, desde que contemple a classe, com as seguintes reivindicações: aposentadoria com proventos integrais, aos 30 anos de serviço para homens e mulher aos 25 anos de serviço, independente de idade, ascensão funcional automática, nível superior para o ingresso nos cargos de Agentes de Investigação e Escrivão de Polícia, a exemplo de outros Estados da Federação, tratamento igualitário entre ativos, inativos e pensionistas, que seja garantido a proporcionalidade de 2/3 dos vencimentos dos delegados de polícia para o nível médio, transformação das gratificações em subsídios, como determina a Constituição Federal”.
Em seguida Antonio Erivaldo, entregou ao secretário Gustavo Nogueira, quatro tabelas com diferentes valores, para ser feito um trabalho de simulação no tocante a repercussão financeira de cada proposta, cujo trabalho será feito hoje por técnicos indicados pelas referidas entidades, juntamente com os técnicos da equipe econômica do Estado, a classe espera que as negociações avancem, e assim se evite um colapso na Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social, pois o SSPC/PB, continua aberto ao diálogo.

Top