Servidores da Policia Civil retomam a greve sexta-feira

Cidades – Quarta, 13 de Junho de 2007

Servidores da Polícia Civil retomam a greve na próxima sexta-feira

Patrícia Braz

Os servidores da Polícia Civil do estado resolveram retomar a greve a partir desta sexta-feira (15). O movimento estava suspenso desde o dia seis a pedido do próprio governo, mas a contraproposta oferecida não foi aceita pela categoria na Assembléia desta quarta-feira (15). O governador Cássio Cunha Lima ofereceu apenas um aumento de R$ 150, em duas parcelas, sobre os atuais salários.

Erivaldo classificou a contraproposta de ‘humilhante’. Revelou que o governo, de última hora, mandou um emissário para oferecer o aumento. Confirmou que o secretário de Segurança Pública, Eitel Santiago, recusou-se intransigentemente a receber a comissão formada por várias entidades representativas dos servidores, além de representante da Oab, para discutir a questão.

Os servidores, através de suas entidades, manifestam indignação diante da ‘discriminação’ da categoria: para os delegados de polícia, o governo ofereceu um aumento de R$ 1,5 mil, dividido em duas parcelas. O SSPCPB havia proposto pelo menos 50% desse valor para os funcionários.

O Sindicato pediu à sociedade que não se dirija às delegacias de Polícia, para prestar queixas, porque somente serão lavrados casos de flagrantes. A emissão de cédulas de identidade também estará suspensa durante o tempo em que o movimento perdurar.

Segundo o presidente do Sindicato, o governo do Estado já acena com retaliação à categoria, ameaçando fazer transferências e ameaça de corte de ponto.