SEMANA NACIONAL DE LUTAS NO DF

PUBLICIDADE
JORNAL O NORTE

INFORMATIVO SINDICATOS EM AÇÃO

A6 JOÃO PESSOA/PB – TERÇA-FEIRA, 02 DE OUTUBRO DE 2007

SEMANA NACIONAL DE LUTAS NO DF

Momento histórico em que representantes de todos os sindicatos dos policiais civis do Brasil na última terça feira dia 25/09/2007, iniciaram em Brasília uma semana nacional de lutas dos PCs, a concentração foi em frente a Catedral, sobre o comando do líder maior do movimento Jânio Bosco Gandra presidente da Cobrapol. Os lideres dos sindicatos dos Estados saíram em caminhada até a frente do Ministério da Justiça onde funciona a Senasp – Secretaria Nacional de Segurança Pública e realizaram um ato público em protesto a não inclusão do nível superior para os cargos de agentes de polícia e Escrivão no Projeto da Lei Orgânica Nacional da Polícia Civil, nomeada “LGPC – Lei Geral da Polícia Civil PL/1949/2007, piso nacional igual dos policiais civis de Brasília R$ 6.000,00 já que o piso nacional para as polícias anunciado por Lula no valor de R$ 1.400 só atende aos PMs, aposentadoria com proventos integrais usurpada pelos tradicionais mensalões do Congresso Nacional, mais verbas para os Estados. O ato público contou ainda com o apoio das Centrais Sindicais Nacional CUT e NCST.
A Paraíba esteve representada pelos policiais civis Antonio Erivaldo Henrique de Sousa presidente do SSPC/PB, David de Oliveira Reis e Francisco Camilo de Souza da cidade de Campina Grande. Queremos uma polícia com terceiro grau e não uma polícia de terceira categoria, alguns Estados já acordaram para nova realidade e estão modernizando suas polícias e já concederam nível superior para os atuais policiais de nível médio, a exemplo do Distrito Federal, Espírito Santo, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Piauí, Rio Grande do Norte, Tocantins etc.
Para que o PL 1949/2007, não seja mais um projeto esquecido dentre milhares que lá existem, temos que nos manter mobilizados nos Estados, principalmente naqueles que seus governantes e gestores das SEDS, não querem valorizar o bom policial.
“Polícia não se Divide”.

AGUARDEM O REGISTRO DE OUTROS MOMENTOS DA NOSSA LUTA NO DF.