Policia Civil se instala em frente ao Palacio da Redenção

Policia Civil se instala em frente ao Palácio da Redenção

[ 19/06/2007 ]


Fonte: Márcia Dias (Texto e imagem)

Os servidores da Polícia Civil do estado da Paraíba estão reunidos durante toda a manhã desta terça-feira (19) em frente ao Palácio da Redenção, oferecendo um café da manhã para a família policial e a imprensa, com o objetivo de agendar uma audiência com o governador do estado, Cássio Cunha Lima, que até o momento não atendeu a nenhuma das reivindicações da categoria.
Conforme o presidente do Sindicato, Antonio Erivaldo, os policiais civis ainda não receberam uma proposta digna por parte da Secretaria de Segurança. “O governo nos encaminhou uma proposta de um reajuste equivalente a R$ 150, dividido em duas vezes e esta proposta é indigna” lamentou.
A reivindicação inicial da categoria era equivalente a 2/3 do reajuste do salário dos delegados da policia civil, que após paralisações, conseguiram um aumento de R$ 1.500. “Assim como os professores do estado, nós também já reduzimos o valor do reajuste para 50% do que foi concedido aos delegados, ou seja, R$ 750, no entanto, o governador não quer atender as nossas reivindicações”, falou, lembrando que a categoria ainda reivindica um plano de cargos carreiras e remuneração, aposentadoria com proventos integrais e as ascensões funcionais que estão engavetadas a mais de três anos.
De acordo com Erivaldo, o ultimo contato com o Secretário de Segurança Eitel Santiago, foi no ultimo dia 31/05, em que ele apresentou uma proposta de um reajuste salarial de 7%, e que foi rejeitada em assembléia geral.
Caso surja algum fato novo, a categoria realizará outra plenária para deliberar sobre o movimento.
O vereador Geraldo Amorim participou da manifestação e julgou de bastante importância apoiar, primeiramente por ele ser policial e posteriormente por ser esta uma função nobre e de bastante respeito. “A segurança não irá melhorar enquanto o governo do estado não der condições aos funcionários que fazem a segurança publica” ,frisou, afirmando ser razoável o reajuste de 50% reivindicado pelos servidores da policia civil do estado da Paraíba.