Você está aqui
Home > 2010 ARQUIVO HISTÓRICO > MG: DELEGADOS DE POLÍCIA AGORA NAS CARREIRAS JURÍDICAS TÍPICAS DE ESTADO

MG: DELEGADOS DE POLÍCIA AGORA NAS CARREIRAS JURÍDICAS TÍPICAS DE ESTADO

JOÃO PESSOA/PB – QUARTA FEIRA, 06 DE JANEIRO DE 2010

 

aecioneves2010Governador Aécio Neves, ladeado pelo delegado regional de Janaúba, Dr. José Frederico e por Dr. Francisco Eustáquio Rabello, presidente da ADEPOLC/MG, durante solenidade no Palácio da Liberdade.
JANAÚBA O governador Aécio Neves recebeu no Palácio da Liberdade em Belo Horizonte , os delegados regionais de Polícia Civil e chefes de departamentos de todo o Estado, oportunidade em que o governador comunicou o envio à Assembléia Legislativa de Minas Gerais, de Proposta de Emenda Constitucional, que integra os delegados de polícia às carreiras jurídicas, típicas de Estado. A PEC 57 já está em tramitação na ALMG e, segundo a exposição de motivos do Governo, elaborada pela secretária de Estado de Planejamento e Gestão, Renata Maria Paes Vilhena, pelo referido dispositivo, o cargo de delegado de Polícia Civil, privativo de bacharel em direito, passa a integrar, para todos os fins, as carreiras jurídicas do Estado.
Ainda, segundo o governador Aécio Neves, o acréscimo em questão vem resgatar reivindicação histórica e justificada dos delegados de polícia, para lhes reconhecer “status” de igualdade e importância frente a outras carreiras jurídicas típicas do Estado, uma vez que a atividade de polícia judiciária tem no delegado de polícia seu elemento central e grande protagonista, cujas habilidades estão a lhe exigir muito mais que grande senso de investigação, mas, principalmente, domínio cada vez mais complexo das especificidades das ciências penais.
Segundo o delegado regional de Janaúba, José Frederico Barbosa da Silva, diretor de Relações Públicas da Associação dos Delegados de Polícia de Minas Gerais (ADEPOLC-MG), que esteve presente na solenidade no Palácio da Liberdade, essa Emenda Constitucional representa um grande avanço para a carreira de delegados e contribui para o resgate da auto-estima da classe. As informações são do Jornal da Serra Geral.

Jornalista: Tânia Alencar

Top