Você está aqui
Home > 2010 ARQUIVO HISTÓRICO > GOVERNO DO ESTADO ANUNCIA CONVOCAÇÃO DOS APROVADOS NO CONCURSO DA POLÍCIA CIVIL APÓS DETERMINAÇÃO JUDICIAL

GOVERNO DO ESTADO ANUNCIA CONVOCAÇÃO DOS APROVADOS NO CONCURSO DA POLÍCIA CIVIL APÓS DETERMINAÇÃO JUDICIAL

1 – O total de 418 candidatos aprovados no concurso público para a Polícia Civil será convocado nos próximos dias pelo Governo do Estado. Um edital será publicado com os nomes dos candidatos para a realização do curso de formação na Academia de Ensino da Polícia (AEP), antiga Acadepol. Os convocados devem realizar as inscrições a partir do próximo dia 30 de agosto e se prolongarão até o dia 10 de setembro. As aulas estão previstas para começar em outubro. Do total de 1.162 aprovados, o edital vai convocar 418 que optaram para prestar serviços no interior do Estado, tendo em vista a necessidade de reforço policial em diversos municípios paraibanos, bem como a capacidade de formação da AEP. No edital, serão convocados 33 aprovados para o cargo de delegado, 82 para o cargo de escrivão, 200 agentes, 26 médicos legistas, 17 necrotomistas, 16 peritos químicos, 20 peritos criminais e 24 técnicos em perícia. Segundo o procurador geral do Estado, Edísio Souto, o Governo do Estado foi autorizado a convocar os candidatos aprovados no concurso da Polícia Civil para o curso de formação e, em seguida, nomeá-los, pelo juiz da 4ª Vara da Fazenda Pública, Hermance Gomes Pereira. Em sua decisão, o magistrado levou em consideração o fato de não haver vedação legal, já que o concurso foi homologado no dia 30 de junho deste ano, dias antes do prazo limite do cumprimento do período eleitoral.

TSE DECIDIU MAIS UMA VEZ QUE APLICAÇÃO DA LEI FICHA LIMPA É IMEDIATA

2 – O Tribunal Superior Eleitoral já deliberou pela terceira vez, agora por 5 a 2, que a lei Ficha Limpa terá aplicação nessas eleições, por não ferir o princípio da retroatividade ou anualidade da legislação eleitoral.

COMPROMISSO DE RENAN – CARREIRA ÚNICA PARA PF

3 – O senador Renan Calheiros assumiu o compromisso com os representantes dos sindicatos da Polícia Federal, de encaminhar oficialmente ao Congresso Nacional documento contrário a PEC 549/2009, que trata da carreira jurídica para delegado de polícia. Renan também assumiu compromisso com toda a categoria para lutar em torno da criação da Carreira Única estruturada em Cargo Único por se tratar de uma antiga reivindicação daqueles policiais.

ARMA DE FOGO PODERÁ TER NÚMERO DE SÉRIE IMPRESSO DENTRO DO CABO

4 – Tramita na Câmara o Projeto de Lei 7350/10, do deputado Roberto Britto (PP-BA), que obriga o fabricante de arma de fogo a imprimir o número de série do produto em superfície interna do cabo, para dificultar a raspagem. Conforme o projeto, o número de série também deverá ser impresso na superfície externa, como ocorre hoje, para rápida identificação. O projeto altera a Lei 9.437/97, que tipifica o crime de adulteração de arma de fogo, com pena de reclusão de dois a quatro anos e multa.

COBRAPOL INTENCIFICA CAMPANHA PELO PISO NACIONAL

5 – Cobrapol intensifica a campanha nacional pela aprovação do Piso Salarial Nacional, para policiais civis, militares e bombeiros, que depende da aprovação da Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 446/09 no Congresso Nacional, já provada em primeiro turno na Câmara dos Deputados e ainda precisa passar pelo plenário da Casa em segundo turno para seguir para análise no Senado Federal. O slogan da campanha é “Valorizar o policial é respeitar o contribuinte”, explicou Gandra presidente da Cobrapol.

FONTE: CORREIO DA PARAÍBA

PALAVRA DE REFLEXÃO

6 – Porém, o SENHOR disse a Moisés: Teria sido encurtada a mão do SENHOR? Agora verás se a minha palavra se há de cumprir ou não. Números 11:23

Top