Você está aqui
Home > 2009 ARQUIVO HISTÓRICO > DELEGADOS EM GREVE

DELEGADOS EM GREVE

Publicado em:

 19 DE NOVEMBRO DE 2009

JOÃO PESSOA/PB – QUINTA FEIRA


delegadosgreve2009Após deliberação em assembléia pela continuação da greve dos delegados, hoje grande parte voltou a cidade de Campina Grande, para explicar para os campinenses e paraibanos, o porque da continuidade da greve.
Inicialmente se concentraram na Central de Policia, onde receberam todos os seguimentos da imprensa, escrita, falada e televisa da cidade e concederam entrevistas, esclarecendo a população que mesmo com o retorno de agentes e escrivães e demais policiais de nível médio, as delegacias, os processos, os inquéritos , continuavam parados.
Afinal, é o delegado o administrador da delegacia, é o presidente do inquérito, é o ordenador de diligencias, é o quem recepciona as diligencias e conduções feitas pela PM, é quem autoriza consignações, depoimentos, declarações, afinal estar presente em 99,99% da papelada que compõem o Inquérito Policial e a vida de uma delegacia.
Se não me engano, somente um documento de todo esse processado é de responsabilidade do agente de investigação, O RELATÓRIO DE ORDEM DE MISSÃO, mesmo assim depende da Autoridade Policial, para determinar a missão.
Mesma responsabilidade pode ser atribuída ao Escrivão de Polícia, nas CERTIDÕES, os outros todos dependem da AUTORIDADE POLICIAL, portanto não há porque dizer que as delegacias voltaram a normalidade, se o comandante desse “barco” se encontra ausente, de greve.
Seguimentos da área governamental, avaliavam no final desta quarta feira e diziam: EM NADA ADIANTOU PARTE DA CATEGORIA SUSPENDER O MOVIMENTO e, comparou o momento da seguinte forma: É MESMO QUE UMA AERONAVE COM TODOS OS PASSAGEIROS E TRIPULAÇÃO A BORDE, PORÉM FALTANO PILOTO.
No horário de 12 as 14 horas, equipes se dividiram e foram para entrevistas em programas radiofônicos, nas emissoras de rádio CARIRI, CATURITE, CAMPINA FM e outras, para depois serem recebidos pelo Exmo. Senhor Juiz de Direito da 2ª Vara da Fazenda Pública de Campina Grande, e em companhia de advogado, cobraram a tramitação da Ação Civil Publica, impetrada pelo Ministério Público Campinense, em volta da caótica situação que se encontra o prédio da Central de Polícia, tendo o magistrado prometido que até a próxima sexta feita, despacharia liminarmente, pelo desocupação imediata do prédio, bom para todos, vergonha para o governo que auto se intitula de MESTRE DE OBRAS.
Nesta quinta feira, 19 o comando de greve, fará atos públicos em diversas delegacias, começando pela 9ª DD e demais.
Na sexta feira, irão fazer a colagem de cartazes personalizados aos delegados informando que os DELEGADOS GARBOSAMENTE CONTINUAM DE GREVE.


FONTE: Redação – SINDEPOL

Top