Delegados civis ameaçam transferir grevistas

Notícias – 26/06/2007

Delegados civis ameaçam transferir policiais grevistas

Fonte: Márcia Dias (Repórter)

Os servidores da policia civil que se encontram em greve, desde o dia 01 de junho, estão sendo ameaçados de serem punidos e transferidos por alguns delegados titulares caso permaneçam com o movimento grevista. A denúncia foi feita na manhã desta terça-feira (26) pelo presidente do sindicato dos servidores da policia civil, Antonio Erivaldo, que ainda lembrou que o movimento da categoria é legal. “Só quem pode dizer que o movimento é ilegal ou não é a justiça e até o momento nós não recebemos nenhuma notificação judicial dizendo que a greve é ilegal”, falou, adiantando que estas agressões são prejudiciais e discriminatórias e não fica bem para uma classe que é composta por bacharéis. Conforme Erivaldo, não são todos os delegados que estão ameaçando os servidores. “São os delegados que exercem titularidades em delegacias e coordenações e superintendência que estão criando este terrorismo entre a categoria”, disse, lembrando que quando os delegados precisaram do apoio enquanto estavam iniciando uma greve, os servidores apoiaram o movimento deles. A reunião marcada para acontecer na segunda-feira (25) foi adiada para a tarde desta terça-feira (26) devido a um acometimento de dengue no Secretario Eitel Santiago e o secretário da administração do estado Gustavo Nogueira é quem se reunirá com o sindicato hoje para discutir a pauta de reivindicações e também as ameaças de punições e transferência sofrida pela categoria. Caso haja êxito nas negociações será marcada uma assembléia geral ainda para a quarta-feira (27) em que a greve poderá ser encerrada.