CÓPIA DO PROJETO DE LEI ORGÂNICA PARA POLÍCIA CIVIL PARAIBANA SÓ AGORA CHEGOU AO SSPC/PB

PUBLICIDADE
JORNAL O NORTE

INFORMATIVO SINDICATOS EM AÇÃO

A6 JOÃO PESSOA/PB – TERÇA-FEIRA, 27 DE NOVEMBRO DE 2007

CÓPIA DO PROJETO DE LEI ORGÂNICA PARA POLÍCIA CIVIL PARAIBANA SÓ AGORA CHEGOU AO SSPC/PB

1 – O projeto da Lei Orgânica da Polícia Civil do Estado da Paraíba – LOP/PB, só agora foi enviada ao SSPC/PB. A minuta que ora encontra-se sendo avaliada pela equipe técnica da Secretaria da Administração do Estado; representando a SEDS está o delegado Flávio Craveiro, que tem tido um bom desempenho, nos trabalhos e lamentamos a não inclusão das representações das entidades associativas e sindicais, apesar de termos solicitado a participação do SSPC/PB, e dado como resposta até a presente data o silêncio, o que acreditamos que esta não seja a recomendação do Governador Cássio. Reivindicamos para o nível médio salários correspondentes a 2/3 dos vencimentos dos delegados, que não é preciso vincular é só implantar nos contracheques, 3º grau para ingresso na PC nos cargos de agentes e escrivães, inamovibilidade para todos PCs, equiparação entre ativos e inativos, ascensão funcional automática, aposentadoria com proventos integrais, 30 anos de serviço para homem e 25 para mulher, independente de idade, como já existe em vários Estados da Federação. Salientamos que os anexos das tabelas do plano de Cargos Carreiras e Remuneração, não nos foi fornecida pelos membros da douta comissão, até o fechamento desta matéria.

NOMEAÇÃO IMEDIATA PARA ÚLTIMA TURMA FORMADA PELA ACADEPOL

2 – Ontem pela manhã, Antonio Erivaldo Henrique de Sousa, presidente do Sindicato dos Servidores da Polícia Civil do Estado da Paraíba – SSPC/PB, recebeu na sede própria do sindicato, uma comissão de concursados para polícia já devidamente formados pela Acadepol-PB, naquela oportunidade pediram apóio do sindicato no sentido de que as nomeações sejam agilizadas pelo Governador e os Secretários da SEDS e Administração. Alegaram ainda a que a maioria pediram exonerações de outros empregos, alguns oriundos de empresas privadas, para poderem se dedicarem ao curso, e ainda tiveram que bancar todas as despesas dos seus próprios bolsos, como estadia, hospedagem e transportes. Antonio Erivaldo, afirmou que o Secretário Eitel já tem conhecimento do fato, só está dependendo da Administração que vai preparar as portarias para que o Governador possa assinar as nomeações dos novos policiais civis. Erivaldo agradeceu a visita dos novos companheiros desejou boas vindas, e falou que o SSPC/PB, foi a única entidade representativa do Grupo GPC, que deu apóio aos concursados neste último concurso, e o apoio é no sentido de continuar na luta até a nomeação do último concursado, pois o Governo Cássio I, atendeu uma antiga reivindicação do sindicato, que vinha sendo feita desde os governos que o antecederam.

INATIVOS NÃO AGUENTAM MAIS ESPERAR

3 – Os policiais civis aposentados e as pensionistas de policiais civis, não estão agüentando mais esperar que o governo cumpra com a promessa de corrigir seus proventos, concedendo aos mesmos percentuais que foram dados aos policiais civis ativos. As pensionistas estão revoltadas, pois além de perderem seus esposos sofrem com a discriminação, o Governo esqueceu que seus esposos contribuíram 35 anos para a previdência do Estado PBPREV, as pensionistas e os aposentados já pensam em acamparem na praça João Pessoa caso o Governo não atenda suas reivindicações. Já estão providenciando barracas e ambulância, equipe médica, pelo fato de que muitas já passam dos sessenta anos de idade. É a primeira vez na história da Paraíba e do Brasil, que um governo concede reajuste salarial aos servidores ativos, e aos inativos 0% (zero por cento), o que é uma discriminação afrontosa as normas constitucionais, que garante a igualdade de vencimentos entre os servidores ativos e inativos, disse Antonio Erivaldo presidente do SSPC/PB, que em audiência com o secretário Eitel da SEDS, este disse que o problema dos inativos e pensionistas será resolvido, pois só está dependo de alguns acertos com a área econômica, estas mesmas palavras Eitel falou em entrevista em uma das rádios da capital, inclusive “que era um compromisso moral seu”.

MOMENTO DE REFLEXÃO

4 – “JOSUÉ 1:9 Não to mandei eu? Esforça-te, e tem bom ânimo; não te atemorizes, nem te espantes; porque o Senhor teu Deus está contigo, por onde quer que andares”.

SSPC/PB – RESGATANDO A DIGNIDADE DO POLICIAL CIVIL